Sexta, 19 de Julho de 2024
21°C 36°C
Teresina, PI
Publicidade

Anvisa manda suspender venda de lotes da bebida Sidra Cereser sabor maçã

Medida foi tomada por causa da possibilidade de pequenos fragmentos de vidro estarem presentes na bebida. Agência diz que recolhimento será de 2,2 milhões de garrafas, e que 0,2% podem ter fragmentos.

02/10/2023 às 18h39 Atualizada em 04/10/2023 às 10h04
Por: Redação
Compartilhe:
Foto: Divulgação
Foto: Divulgação

A Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa) determinou na sexta-feira o recolhimento de 28 lotes, com 2,2 milhões de garrafas, da bebida Sidra Cereser sabor maçã.

A medida foi tomada por causa da possibilidade de pequenos fragmentos de vidro estarem presentes na bebida, o que representa risco à saúde dos consumidores.

A Resolução-RE nº 3.718/2023 determina a suspensão imediata da comercialização, distribuição e uso do produto, além de comunicar o recolhimento dos lotes.

O recolhimento envolve 28 lotes fabricados entre 22 de julho e 2 de setembro, totalizando 2.237.952 unidades do produto ou 186.496 caixas.

A Anvisa afirma que os lotes foram produzidos em 2023, mas a empresa diz que eles são datados de 2022.

Segundo a Anvisa, aproximadamente 0,2% das garrafas dos lotes afetados podem conter os fragmentos de vidro devido a "alterações nos vasilhames durante o processo de envase". A ingestão acidental desses fragmentos pode causar cortes na boca ou em outras partes do sistema digestivo, de acordo com a Anvisa.

"A CRS Brands ressalta que o problema já foi resolvido e que, até o momento, nenhuma ocorrência foi relatada", informou a empresa em nota. A fabricante diz que, desde 22 de setembro, está fazendo o recolhimento voluntário e preventivo das unidades pertencentes aos lotes.

Com informações do G1

 

* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou que contenham palavras ofensivas.
500 caracteres restantes.
Comentar
Mostrar mais comentários
Lenium - Criar site de notícias